8 de dezembro de 2023

10 benefícios da cebola

Por Sofia
10 benefícios da cebola

A cebola é um vegetal muito consumido e apreciado na culinária brasileira, pois dá sabor e aroma a diversos pratos. Mas você sabia que a cebola também tem muitos benefícios para a sua saúde? Neste artigo, vamos mostrar 10 benefícios da cebola. Confira!

Veja aqui: Como eliminar as celulites

1. A cebola previne o câncer

A cebola é rica em compostos antioxidantes, como a quercetina, a antocianina e os sulfetos de alilo, que combatem os radicais livres, que são moléculas instáveis que causam danos às células e aos tecidos, acelerando o processo de envelhecimento e aumentando o risco de doenças crônicas, como o câncer. Estudos científicos mostraram que o consumo de cebola está associado a um menor risco de desenvolver câncer de cólon, de ovário, de boca, de estômago, de próstata e de mama. Isso se deve à capacidade da cebola de inibir a proliferação de células tumorais, induzir a morte celular programada (apoptose) e bloquear a formação de novos vasos sanguíneos que alimentam os tumores (angiogênese).

2. A cebola protege o coração

A cebola é um alimento que pode proteger o coração de diversas formas. Ela ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL) e de triglicerídeos no sangue, que são fatores de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, como a aterosclerose, o infarto e o acidente vascular cerebral (AVC). Ela também ajuda a diminuir a pressão arterial, pois contém potássio, que é um mineral que regula o equilíbrio de fluidos no corpo, e aliina, que é um composto que relaxa os vasos sanguíneos e melhora a circulação do sangue. Além disso, a cebola tem propriedades antiplaquetárias, que impedem a agregação de plaquetas, que são células que participam da coagulação sanguínea, evitando a formação de coágulos que podem obstruir as artérias.

3. A cebola fortalece os ossos

A cebola pode ajudar a fortalecer os ossos e prevenir a osteoporose, que é uma doença que causa a perda de massa óssea e o aumento do risco de fraturas. Isso se deve ao seu conteúdo de cálcio, que é um mineral essencial para a formação e a manutenção dos ossos, e de compostos sulfurados, que estimulam a atividade dos osteoblastos, que são células que produzem a matriz óssea. Estudos mostraram que o consumo de cebola está relacionado a uma maior densidade mineral óssea e a uma menor incidência de fraturas, especialmente em mulheres na pós-menopausa .

4. A cebola melhora a imunidade

A cebola é um alimento que melhora a imunidade, que é a capacidade do organismo de se defender de infecções e doenças. Ela contém vitaminas do complexo B, como a tiamina, a riboflavina, a niacina, o ácido fólico e a vitamina B6, que são importantes para o metabolismo dos carboidratos, das proteínas e das gorduras, e para a produção de energia e de anticorpos. Ela também contém vitamina C, que é um nutriente que aumenta a resistência às infecções, estimula a produção de glóbulos brancos, que são células que combatem os agentes invasores, e tem ação antioxidante, que protege as células da ação dos radicais livres. Além disso, a cebola tem propriedades antimicrobianas, que inibem o crescimento de bactérias, vírus e fungos, prevenindo e tratando doenças como a gripe, o resfriado, a amigdalite, a sinusite, a candidíase, entre outras.

5. A cebola regula o açúcar no sangue

A cebola é um alimento que regula o açúcar no sangue e previne o diabetes, que é uma doença crônica que afeta milhões de pessoas no mundo e que pode causar complicações graves, como a cegueira, a insuficiência renal, a amputação de membros e as doenças cardiovasculares. Isso se deve ao seu baixo índice glicêmico, que significa que ela não eleva rapidamente os níveis de glicose no sangue após a sua ingestão, e ao seu conteúdo de quercetina e de compostos sulfurados, que possuem propriedades hipoglicemiantes, ou seja, que reduzem o açúcar no sangue. Esses compostos atuam estimulando a liberação de insulina, que é o hormônio que regula o açúcar no sangue, e aumentando a sensibilidade das células à insulina, que é a capacidade das células de captar a glicose do sangue e utilizá-la como fonte de energia .

6. A cebola alivia a dor e a inflamação

A cebola é um alimento que alivia a dor e a inflamação, que são sintomas comuns de diversas condições, como a artrite, a gota, a asma, a enxaqueca, a cólica menstrual, entre outras. Isso se deve ao seu conteúdo de compostos anti-inflamatórios, como a quercetina, a antocianina e os sulfetos de alilo, que inibem a produção de mediadores inflamatórios, como as prostaglandinas, os leucotrienos e as citocinas, que são responsáveis por causar dor, inchaço, vermelhidão e calor nas áreas afetadas . Além disso, a cebola também tem propriedades analgésicas, que bloqueiam a transmissão dos impulsos nervosos que levam a sensação de dor ao cérebro.

7. A cebola melhora a digestão e o trânsito intestinal

A cebola é um alimento que melhora a digestão e o trânsito intestinal, que são processos fundamentais para a saúde e o bem-estar. Ela contém fibras, que aumentam o volume e a umidade das fezes, facilitando a sua eliminação e prevenindo a constipação, que é um problema que afeta muitas pessoas e que pode causar desconforto, dor, gases, inchaço e até mesmo complicações mais graves, como as hemorroidas e o câncer de cólon. Ela também contém prebióticos, que são substâncias que alimentam as bactérias benéficas do intestino, melhorando a sua flora e a sua função. Essas bactérias ajudam na digestão dos alimentos, na produção de vitaminas, na absorção de nutrientes, na eliminação de toxinas e na modulação do sistema imunológico.

8. A cebola previne a anemia e a fadiga

A cebola é um alimento que previne a anemia e a fadiga, que são condições que afetam muitas pessoas e que podem comprometer a qualidade de vida e o desempenho nas atividades diárias. Isso se deve ao seu conteúdo de ferro, que é um mineral essencial para a produção de hemoglobina, a proteína que transporta o oxigênio para as células do corpo. A deficiência de ferro pode causar anemia, que é caracterizada por sintomas como palidez, fraqueza, cansaço, falta de ar, tontura e palpitações. Além disso, a cebola também contém vitamina C, que é um nutriente que aumenta a absorção de ferro pelo organismo e que também tem um papel importante na produção de energia.

9. A cebola melhora a saúde e a beleza do cabelo

A cebola é um alimento que melhora a saúde e a beleza do cabelo, que é uma parte importante da aparência e da autoestima de muitas pessoas. Ela contém enxofre, que é um mineral que faz parte da estrutura da queratina, a proteína que forma o cabelo. O enxofre ajuda a fortalecer, a hidratar e a dar brilho aos fios, prevenindo a quebra, o ressecamento e o frizz. Ela também contém antioxidantes, que protegem o cabelo dos danos causados pelos radicais livres, pelo sol, pela poluição e pelo uso de secadores, chapinhas e tinturas. Além disso, a cebola tem propriedades antimicrobianas, que combatem a caspa, a coceira e as infecções do couro cabeludo.

Uma forma de aproveitar os benefícios da cebola para o cabelo é aplicá-la diretamente sobre ele, em forma de suco, de óleo ou de máscara. O suco de cebola pode ser extraído batendo a cebola no liquidificador e coando o líquido. O óleo de cebola pode ser feito aquecendo a cebola picada em um óleo vegetal de sua preferência, como o de coco, o de oliva ou o de rícino. A máscara de cebola pode ser feita misturando o suco ou o óleo de cebola com outros ingredientes naturais, como o mel, o iogurte, o ovo ou a babosa. Esses produtos podem ser aplicados sobre o cabelo limpo e úmido, massageando o couro cabeludo e as pontas, e deixando agir por 15 a 30 minutos. Depois, é só enxaguar bem e lavar o cabelo com o seu xampu e condicionador habituais. Esses tratamentos podem ser feitos uma ou duas vezes por semana, para estimular o crescimento, a nutrição e a saúde do cabelo.

10. A cebola melhora o humor e o sono

A cebola é um alimento que melhora o humor e o sono, que são fatores essenciais para a qualidade de vida e o bem-estar. Ela contém triptofano, que é um aminoácido que participa da produção de serotonina, que é um neurotransmissor que regula o humor, a ansiedade, o apetite e o sono. A serotonina é precursora da melatonina, que é o hormônio que induz o sono e regula o ciclo circadiano, que é o ritmo biológico de 24 horas que determina os períodos de vigília e de sono. Portanto, consumir cebola regularmente pode ajudar a prevenir e a tratar problemas como a depressão, a insônia, o estresse e a irritabilidade.

Como você pode ver, a cebola é um vegetal que oferece muitos benefícios para a sua saúde e a sua beleza. Por isso, não deixe de incluí-la na sua alimentação e nos seus cuidados com o cabelo. Você vai se surpreender com os resultados!